terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Amizade (DES)colorida

Tem coisa mais platônica que querer pegar cueca-amigo? Aquele ser que você admira, acha gato, sai para beber todas, zoa seu time, conhece suas fraquezas, suas preferências... Enfim, tá sempre junto e te acha mó gente boa.
E um belo dia você começa a olhar o ser com outros olhos. Rola um suspiro. Um 'Como seria e tal'. Acha que tá xonada e babau...
Lamento, baby, não recomendo.
Não quero desiludi-las (ou quero?), mas o cara quando resolve ser amigo de uma mulher é de uma fidelidade canina! Nada sacode seu estoque de testosterona. Você pode dormir pelada do lado do ser que ele nem olha. Ele não se toca nem quando você esbarra acidentalmente nele durante a noite.
O irritante é quando ele começa a te contar suas aventuras sexuais como se você fosse cueca também. E ele quer comer todas as suas amigas, menos você. Lembra da piada da filha da puta? E nos pedem dicas! Vá me se foder!! Será que não notam nossos olhinhos pedantes, nossos pensamentos pecaminosos e nossos pézinhos melindrosos na areia?
Não adianta, caras amigas, dar um porre no cueca-amigo. Não adianta tentar pagar na mesma moeda e ficar com os amigos dele. Mesmo porque não há contas a pagar, né bem, só na tua cabecinha mesmo.
Mas o pior, o pior mesmo, é que você não consegue desencanar do sujeito por um motivo muito simples: ao contrário dos outros tipos de cueca, esse não te decepciona (a nar ser pelo fato de que nem tchuns pra te pegar). Não deixa de te ligar no “dia seguinte”, aliás, dia seguinte de que? Ele te liga TODO DIA! Liga pra perguntar que gravata fica melhor com aquele terno cinza, pra dizer que conheceu uma banda que é “a tua cara”, pra pedir conselhos sobre que flor comprar pra mais nova conquista dele, pra te convidar pra sair naquela noite chuvosa que todo mundo te esqueceu e não tem nada na cidade que preste. Um fofo....um saco!

O cueca-amigo também nunca esquece seu aniversário, nunca deixa de elogiar seu corte novo de cabelo e também usa de toda a sua sinceridade pra te dizer que aquele vestido amarelo te deixou gorda ou que aquele último cara que você pegou é um mala. Como se irritar com esse gênero perfeito de homem? Aliás, QUASE perfeito, porque pra chegar à perfeição mesmo, ele precisava fazer só uma coisinha básica com você – SEXO! Conforme dito antes, minha cara, não se iluda. O mais próximo que o cueca-amigo vai chegar de você no altar é ser seu querido padrinho de casamento. E chorar emocionado na cerimônia, não está perdendo o grande amor de sua vida, mas porque está perdendo a companheira de buteco.
Eu sei, é triste. Mas existe uma vaga possibilidade de que o cueca-amigo olhe você com outros olhos, descubra que você tem uma vagina alma boa e te pegue de jeito. Sim, a comunidade científica já presenciou casos assim. Casos raríssimos, mas existem. Porém, lamento informar que automaticamente, quando o cueca-amigo te pega ele se transforma num cueca-comum. É, daqueles que você conhece bem, os cuecas-comuns e suas variantes: o cueca-chato, o cueca-chiclete, o cueca-ciumento, o cueca-cafajeste...o príncipe vira sapo meeeesmo, não tem jeito. E com agravantes! Sim, porque ele muda de personalidade mas tem uma ótima memória e sabe todos os seus podres, suas fraquezas, sabe até que você usava botinha ortopédica na infância!
Ah, e não querendo colocar toda a culpa no ser macho, você também, cara amiga, invariavelmente se tornará uma mala que lembrará de toooodas as fraquezas do ex-amigo. Ou seja, toda a amizade que vocês levaram tantos anos pra cultivar vai se transformar na mais comum e corriqueira das DRs de casal...é foda.
Aí, o jeito é voltar à vaca fria, retomar a relação assexuada com o cueca-amigo ou permanecer com ele como namorado e arrumar um outro cueca-amigo pra reclamar do ser numa mesa de buteco...Mas, pelamor, não vá se apaixonar por ele!
Texto com fortes bedelhos colaborações de nossa amiga-quase balzaquiana Angel.

3 comentários:

Fernando disse...

Cueca amigo, ta certo, é por ai rsrsrs

Vanessa P. disse...

ahhhhhhhh tem coisa melhor q amizade colorida...uhulll

André disse...

Não nos transformamos tanto assim depois q deixamos de ser cueca-amigo.... tá bom... mudamos completamente......kkkkkkkkkkk