segunda-feira, 22 de junho de 2009

Blog permitido a fumantes!

Queridos balzaquianos, como todos já devem estar inteirados, logo logo, dia 6 de agosto para ser mais exata, entra em rigor vigor a lei antifumo. Muito bem, é claro que não ignoro os grandes males causados pelo uso do tabaco, mesmo porque a cada cigarro acendido eis o carinha do maço me gritando isso. Sou fumante e nada dessas desagradáveis figuras ou mesmo relatos me convenceram a ter essa puta força de vontade, como todos bradam, para conseguir deixar esse vício maldito. Mas, ponderem pessoas!
Eu não saio baforando minha fumaça cancerígena na fuça das pessoas ou em locais onde, legalmente e moralmente, acho inadequado. Sei que existem alguns ogros bons nisso. Em alguns pontos eu concordo com a lei, mas ela tem muitos pontos obscuros, como o fato de acabar com os fumódromos e ao mesmo tempo permitir que se fume em locais que sejam destinados a isso, contanto que seja declarado em letras garrafais e logo de cara, e que a fumaça não atinja os ambientes para não-fumantes. O que é isso??? Pode, contanto que tenha jogadas de marketing?
Gente, imagine o topete dos não-fumantes agora. Imaginou? Agora piore 100 vezes e pense nos ex-fumantes. Aff... realmente eu vou preferir fumar em casa, num beco escuro, ir de bike até o Paraná ou numa nova categoria de boca-de-fumo. Boca-de-fumo emplacada e com luminoso, é claro. E porque não punem apenas os fumantes? Se eu quiser ferrar com aquele boteco que me roubou marcando umas cervejas a mais? Simples: você só precisa de um cigarrinho e um isqueiro. Eu nunca mais vou poder xingar o garçon por não me trazer cinzeiro?
Não poderemos mais permanecer por muito tempo em bares, boates ou locais de entretenimento, ou seja, já era nossas baladas. A não ser que fiquemos do lado de fora ouvindo o sonzinho abafado e quente do local. Com todos os seus não e ex fumantes. Isso no inverno, pois no verão eu me vingarei deles. E se eu encanar e resolver não permitir que eles frequentem meus ambientes abertos ao fumo? E se eles fossem obrigados a ficar enfornados em seus bares e restaurantes? É claro que vão reclamar do calor. Fodam-se, eu tive que congelar do lado de fora no inverno.
Podiam proibir música sertaneja, pagode e funk em ambientes públicos também. Poluição sonora. Proíbam barangas, meninos com topetes amarelados e homens de pochete e camisa pólo. Poluição visual, não concordam? Prejudicam a minha saúde.
Para nós, fumantes, podermos ouvir um sonzinho ou mesmo se acabar de dançar só mesmo em templos umbandas ou candomblés. Pelo menos lá é permitido. O foda é se baixa a tal da pomba e a gente saia entregando a pomba a qualquer um maisoumeninho.
Pelo menos lá pode-se fumar um cigarrinho depois do tradicional ‘Foi bom pra você?”.
Mas, acalmem-se fumantes. Você se atentou ao detalhe que a vigilância sanitária do seu município é que vai fazer a fiscalização? Kkkkkkk. Ou então, os comerciantes que te pegarem fumando, podem chamar a polícia. Imagine o sujeitinho engolindo a bituca. “Sujou! Sujou! Sujou! Engole a baga, mermão!

A nossa sorte, ou não, é que em nosso brasilzinho muitas das leis simplesmente ‘Não pegam’. Pode isso? Os ingleses não entendem isso. Eles criam, discutem, sancionam... Mas, se tiver que depender de outros, que nem entraram na conversa, para fiscalizar as regras impostas, já era! Vai ser apenas cinzas ao vento. Dá uma preguiça, né? Vai dar uma revolta nos 94% da população.
Então, fumantes, se nos fuderem, relaxem e gozem. Mas cuidado na hora do cigarrinho básico pós-fumo.

Balzaks - pararraio de pedras

5 comentários:

Gizeli disse...

muito bom texto,
gostei mesmo
abração!

Anônimo disse...

excelente comentário

valeu!

cigarro disse...

Galera ja ouviram falar no cigarro eletronico?? é muito interessante deem uma olhada em nosso blog: cigarroeletronicoonline.blogspot.com ou pelo email: cigarroeletronicoonline@gmail.com e fique por dentro

aline cristina francklin disse...

olá tenho um blog do ex ou atual fumante lá tbm tem um chat pra falarmos online quando quisermos e precisarmos ,,,passa por lá www.souexfumante.blogspot.com

G. Cortez disse...

Porque não regulamentar o funcio-
namento de restaurantes, bares, boa
tes que se destinem exclusivamente a fumantes? Afinal fumar não é ilegal. Discriminem-se estes estabelecimentos para fumantes ou para não-fumantes. Nestes, sim fumar seria ilegal.
Outro ponto a analisar: Fumar provoca cancer, mas será o único ou o principal elemento a causar isto?
Alguma experiencia já foi feita para ver se os conservantes, muito usados em alimentos, não seria um "adubo" para o cancer?